sábado, 22 de abril de 2017

I'm Through With Love (Lyrics) by ERIC CARMEN

domingo, 16 de abril de 2017

She







Que jóias a trouxeram do mar profundo?
As flores nas estrelas
o mel do mundo?
pedaços de cereja teu lábios lindos
a cantar o amor, somente o amor
em meus submundos





Do nosso tempo



 


       (A) Notam-se a probabilidade de problemas emocionais e de déficits de habilidades sociais. 

     (B) Dedica-se ao manejo de aparelhos eletrônicos, desde a mais tenra idade, as crianças de hoje.

   (C) Cercam-se de solidão e isolamento uma vida reclusa ao mundo virtual de atualizações de status. 

  (D) Findaram as discussões profundas, com as quais poderia se enriquecer os anos de universidade. 


 (E) Interpretam-se, com dificuldade, comportamentos alheios frente a frente, em tempo real.





sábado, 15 de abril de 2017

Matsuo Bashô






Resultado de imagem para matsuo basho assirio e alvim




Aquele que segundo Leminski, 
conseguia distinguir uma lágrima
 no olho do peixe







O encanto do Mandacaru pela Nuvem









Aconteceu de novo
daquele mandacaru apaixonar-se pela nuvem
enamorou-se ainda mais no fim do dia
quando ela ganhou tons e forma
de uma rosa

depois

ela foi mudando lentamente
dissolvendo-se 
em coração a desmanchar-se

o tempo mudou bruscamente
e ele resistiu resignado a tempestade


de lâminas






DAVI CARTES ALVES







sábado, 8 de abril de 2017

Dançarina Flamenca





Resultado de imagem para castanholas flamenco




bela dançarina flamenca,
sapateias na voraz ilusão
de possuir-te
 emudecido espectador
enternecido camponês madrilenho
na viril multidão estupefata,
petrificada

Chama cambiante
alma ferina, charme provocante,
ritmo vigoroso, estonteante
olhares fulminantes de desprezo,
num enlear-se apaixonante

partis-te  corações ao meio
e fizestes deles
castanholas escarlates
a produzir
musicalidade vigorosa,
envolvente n’alma

palpitante rosa cálida
dardejando nos sentidos
tuas pétalas de fogo
qual revoada
de pássaros incendiados

tua presença embevece,
na maviosa sonoridade
que enfeitiça e emudece:
cravos imprestáveis,
touros indomáveis,
na arena milenar
nos confins da Andaluzia.


 


Davi Cartes Alves








Vó Nonóca é o quiá





Resultado de imagem para bolinho na chuva




ela percebeu:
tava mais pra baixo que  underline 
e alertou:
- desse jeito
vão te encontrar   jogado na  lixeira 
do  dog do Queko

mas no reveillon reagiu
 foi jogar truco e desmaiar na praia

noutro dia 
dia de ano
 vó Nonóca 
recomendou um chá de barbatana de buganvília
mas  só dá lá em Guaraqueçaba
mas vó isso é flor ou um peixe?

ela encrespou 
perguntando se eu era do FBI 
que fazia tanta pergunta

Vo Nonóca esse bolinho de chuva
tem o sabor da felicidade

e pra desatar os nós
das cordas do coração vó?

soube vó?
com dor nas costas : Sofia vergara
- essa foi fraca 


Vó Nonóca é o quiá
o quiá de bom nessa terra já queimada
ela só para os afazeres 
pra ver a debandada dos pássaros do fim do dia

o céu em caramelo claro
e os pássaros enfileirados
outros como setas 
disparadas no ocaso 
sumindo nas araucárias

vó Nonóca se irrita de novo
- não traz novelo criatura
- traz uma vódka

e o segredo da felicidade vó?
- não sei
- e se soubesse eu não falava , se vira

- mas fala mais baixo 
e come menos


Vó Nonóca é o quiá
de bom






DAVI CARTES ALVES







quinta-feira, 6 de abril de 2017

Rosa Caramela








Acendemos paixões no rastilho do próprio coração
 O que amamos é sempre a chuva, 
entre o voo da nuvem e a prisão do charco
 Afinal, somos caçadores que a si mesmo se azagaiam
 No arremesso certeiro 
vai sempre um pouco de quem dispara.



Mia Couto
No conto "Rosa Caramela"










domingo, 2 de abril de 2017

Incertidão de óbito - Mia Couto











e que o cenário não se limite ao decorativo ...











“ Fazer o gesto
recuperar o seu sentido
a palavra
o seu tom insubstituível
permitir que o silêncio ,
como na boa musica,
seja também ouvido
e que o cenário
não se limite
ao decorativo(...)




                                          Clarice Lispector